Você está Visitando o site Weizur Brasil. Veja informações sobre todas filiais aqui.

Artigos

VOCÊ SABIA QUE OS LÁCTEOS PODEM PREVENIR O DIABETES?

VOCÊ SABIA QUE OS LÁCTEOS PODEM PREVENIR O DIABETES?

Consumir lácteos regularmente proporciona muitos benefícios para a saúde. A nutricionista e consultora da Viva Lácteos – Associação Brasileira de Laticínios, Ana Paula Del´Arco explica o que é a doença e como o leite pode ser aliado na prevenção e nos tratamentos.

O diabetes pode ser do tipo 1 ou do tipo 2, a diferença está na origem da doença. No diabetes tipo 1, há destruição das células do pâncreas que produz insulina e, portanto, não há produção e secreção, havendo necessidade até de aplicações de injeções de insulina. Já no tipo 2, há produção e secreção de insulina, porém há um quadro de resistência à insulina (também conhecida como pré-diabetes), isso traz uma sobrecarga do pâncreas, e quando não é mais possível esta produção "extra” de insulina, forma-se o quadro da doença.

Agora que você já sabe o que é a doença, vamos ver qual a relação dos lácteos nessa história?

1- Além da prevenção, os lácteos podem contribuir no controle da doença, naqueles indivíduos que já têm o diabetes. As proteínas do soro do leite parecem diminuir a quantidade de açúcar no sangue, logo após as refeições dos diabéticos.

2- As proteínas do soro do leite têm propriedades insulinotrópicas, ou seja, estimulam a liberação de insulina, por induzir maior estimulação do hormônio glucose-dependent insulinotropic polypeptide (polipéptido insulinotrópico dependente de glicose – GIP), que reduzem os níveis de glicose no sangue.

3- O consumo de alimentos lácteos tem papel fundamental na prevenção do diabetes, destacando o iogurte como o mais promissor dentre os lácteos, os dados foram revelados em pesquisa.

4- Os produtos lácteos fermentados (iogurte e queijos) se relacionam com a microbiota intestinal, que por sua vez também está envolvida no contexto da síndrome metabólica e do diabetes.

5- Para quem tem diabetes, ter uma alimentação equilibrada é fundamental, sem cometer excessos na ingestão do açúcar (glicose) por si só, mas também controlando a ingestão calórica como um todo, para evitar acúmulo de gordura corporal e ganho de peso, que também estão envolvidos no processo.

6- O aumento na ingestão de leite, queijo e iogurte, para cerca de 200 gramas por dia, contribui para a prevenção do diabetes.

Assim, a resposta para a pergunta: "quem toma muito leite, pode desenvolver diabetes?". É não! Pelo contrário, o consumo de lácteos, principalmente os fermentados, é benéfico e pode prevenir o diabetes.

Referências bibliográficas:

American Diabetes Association. Diagnosis and classification of Diabetes Mellitus. Diabetes care, supl. American Diabetes Association: Clinical Practice. 2006; 29(1): S43-8.

Gao D, Ning N, Wang C, Wang Y, Li Q, Meng Z, et al. Dairy products consumption and risk of type 2 diabetes: systematic review and dose-response meta-analysis. PLoS One 2013; 8(9): e73965. 

Gijsbers L, Ding EL, Malik VS, de Goede J, Geleijnse JM, Soedamah-Muthu SS. Consumption of dairy foods and diabetes incidence: a dose-response meta-analysis of observa- tional studies. Am J Clin Nutr 2016; 103(4): 1111-24. Chen - M, Sun O, Giovannucci E, Mozaffarian D, Manson JE, Willet WC, Hu FB. Dairy consumption and risk of type 2 diabetes: 3 cohorts of US adults and an - meta-analysis. BMC Medicine 2014; 12: 215.

Frid AH, Nilsson M, Holst JJ, Bjorck IM. Effect of whey on blood glucose and insulin responses to composite breakfast and lunch meals in type 2 diabetic subjects. Am J Clin Nutr 2005; 82(1): 69-75.

Nilsson M, Stenberg M, Frid AH, Holst JJ, Bjorck IM. Glycemia and insulinemia in healthy subjects after lactose- equivalent meals of milk and other food proteins: the role of plasma amino acids and incretins. Am J Clin Nutr 2004; 80(5): 1246-53.

Voltar